[RP FECHADA/FLASHBACK +18] Warm Thanks

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[RP FECHADA/FLASHBACK +18] Warm Thanks

Mensagem por Amora Lannister em Sex Mar 30, 2018 10:51 pm

Warm Thanks
RP fechada, que começará com o post de Amora Lannister, tendo apenas como outro participante Allar Sand. A RP passa-se em 111AC, três dias depois de Allar Sand ter salvo a princesa de um ataque de um grupo de bandidos e ter sido armado cavaleiro no oeste. É uma noite quente no Rochedo, a lua cheia brilha no ponto mais alto do céu e o castelo está adormecido, em exeção à biblioteca em uma das torres do castelo.
Amora Lannister
Princesa
avatar
Mensagens :
9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECHADA/FLASHBACK +18] Warm Thanks

Mensagem por Amora Lannister em Sex Mar 30, 2018 10:52 pm



Amora passeava descalça pelos corredores feitos por grandes estantes de madeira clara com cada uma de suas prateleiras preenchidas por livros de capa grossa de diversas tonalidades, uns mais antigos que outros. Em um de seus braços trazia alguns livros que tinha pegado emprestado na semana anterior, para poder se manter entretida em seus tempos livres. O silêncio instalado na biblioteca era interrompido pelos passos da princesa que, de vez em quando, corria para alcançar o outro lado do corredor feito de livros.

Os pensamentos da loira divagavam em diversos assuntos, mas, acima de tudo, não conseguia parar de pensar no ataque que sofrera a menos de um mês. Lembrava-se da quentura da noite, das conversas desinteressante da nobre com quem conversava e tratava de negócios importantes para o governo de seu país. Amora estava mais do que acostumada a ser enviada pelo senhor seu pai para tratar de coisas de qual o rei não poderia tratar pessoalmente, muitas delas, ações secretas do governo que sempre guiavam as Terras do Oeste à prosperidade. Contudo, não esperava ter a humilde carruagem na qual viajava com a nobre atacada por um grupo de bandidos.

Era um pouco óbvio que a princesa não estaria ali naquele momento se não fosse pela atenta guarda que seguia à carruagem à distância para ter a certeza que tudo estava bem mas, decerto, devia sua vida à outra pessoa que, por vontade dos deuses, aparecera no seu caminho na hora certa. Se fechasse os olhos, Amora podia vê-lo coberto com o sangue dos atacantes da princesa e sentir, novamente, a atração que raramente sentia por outro homem. Sabia que a simples memória do rapaz com a espada sangrenta em suas mãos poderia fazê-la suspirar de desejo.

Havia mandado um mensageiro chamá-lo à biblioteca naquela noite tão quente como a do dia em que se viram pela primeira vez e, sinceramente, esperava que ele viesse o mais rápido que pudesse. Guardou os livros e fez o favor de abrir as janelas da bela biblioteca, que mostravam a bela cidade que cercava o rochedo, com a luzes de tochas acesas pelas ruas. Amora observou a capital do mais rico reino de Westeros com orgulho e imponência, enquanto sentia o vestido da mais nobre seda rosa colar em seu corpo graças ao vento, juntamente com alguns caracóis rebeldes que teimavam em cair do penteado perfeito da Lannister.

Finalmente a porta da biblioteca se abrira, fazendo a loira olhar para o recém-chegado com urgência e poder esboçar um sorriso de satisfação. Graças aos céus já não usava mais os trapos que usava quando matou os inimigos de Amora e, pelo menos, já deveria ter conhecido o significado de um banho; isso o deixava ainda mais atraente.

O título de cavaleiro assenta-lhe bem, Sir Allar. — Amora começou, saindo de perto da janela e andando em passos lentos na direção do Dornês.

Os pés descalços tocavam no chão com leveza, enquanto Amora analisava (sem qualquer discrição) cada parte do corpo do recém cavaleiro. Apenas parou quando estava à sua frente, olhando para sua face com certa dificuldade, devida a grande diferença de altura entre os dois.

Tem alguma noção do porquê de o ter chamado aqui? — Perguntou finalmente, dando costas ao rapaz e indo até à mesa. Com rapidez, sentou-se em cima da mesa e observou-o, esperando por sua resposta.

(C) soph

Amora Lannister
Princesa
avatar
Mensagens :
9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECHADA/FLASHBACK +18] Warm Thanks

Mensagem por Allar Sand em Sex Mar 30, 2018 11:34 pm



Estava em meus aposentos, terminando de colocar minha roupa de dormir, quando ouvi o mensageiro bater em minha porta. Suspirei, terminando de colocar a camisa, e caminhei até lá, abrindo-a e vendo o homem a minha frente. Ele se apresentou, ficando em posição de sentido. Fiz sinal para que descansasse, então ele disse:

- Lady Amora Lannister está lhe convocando a vossa biblioteca. Pediu-lhe que fosse com urgência.

Assenti e o dispensei, sentindo meu corpo ficar tenso com o pedido. Ainda estava em minhas lembranças o dia que havia conhecido a filha do Rei em uma das estradas do reino, e lembrei delas enquanto rapidamente recolocava minha armadura. Estava cavalgando, entre meus serviços como cavaleiro andante para os lordes da região, quando percebi um conjunto de homens suspeitos. Os segui a distância e, assim que chegamos ao aberto e vi qual era seu alvo, minha reação foi imediata. Sabia que era uma carruagem Lannister, mas não sabia quem estava dentro dela.

A batalha demorou pouco mais do que dez minutos. A guarda de Amora me ajudou, mas eu ter chego flanqueando os ladrões e decapitando o líder deles logo no início do combate foi o que nos levou a vitória. E havia matado a maior parte deles também, e os últimos foram rendidos para que fossem devidamente interrogados para descobrir quem havia enviado o ataque.

Terminei de colocar a bainha ao redor de minha cintura e sai pela porta, caminhando com pressa em direção a biblioteca onde a Lady me esperava. Lembrava do momento que saiu da carruagem, assustada. Tinha perdido alguns de seus homens, mas assim que eles lhe contaram o que havia acontecido, ela me agradeceu imensamente e pediu que seguisse com ela até Rochedo Casterly.

Pouco tempo depois, ganhei o título de cavaleiro, devido ao meu ato de bravura. Além disso, me tornei um comandante Lannister, cargo que aceitei assim que me foi oferecido pelo Rei. Havia nascido em Dorne, um bastardo que nunca teve nenhuma relevância, e aqui estaria servindo uma das mais nobres casas de toda Westeros. Estava orgulhoso de mim mesmo.

Adentrei a porta da biblioteca. Havia demorado um pouco mais do que eu gostaria, mas tinha vindo o mais rápido que pude. Vi a Lady se virar, com um sorriso de satisfação que me fez tranquilizar. Era uma urgência do tipo que era característico de Amora. Já havia me sido dito que, quando ela queria alguma coisa, a queria de imediato e não deveria ser questionada.

- O título de cavaleiro assenta-lhe bem, Sir Allar.

Fiz uma leve reverência, me inclinando, em respeito a nobre e agradecendo o elogio. Voltei a ficar reto, apoiando a mão direita no pomo da espada, vendo-a se aproximar de mim com leveza, os pés descalços. Sentia seu olhar percorrer meu corpo, sem qualquer descrição. Aquela altura, achava que estava avaliando minha postura. Parou próxima de mim, a minha frente. Era um bocado mais baixa.

- Tem alguma noção do porquê de o ter chamado aqui?

Ouvi sua pergunta, vendo-a dar-me as costas e direcionar-se a mesa. A acompanhei, ficando em pé ao lado da mesa, vendo-a me observar novamente. Respondi:

- Não tenho, milady. O mensageiro me disse que me convocava com urgência e, sendo sincero, achei que estavas em perigo. Como não estás, realmente não tenho noção do que desejas.

Ainda estava me acostumando com o linguajar nobre. Isso fazia que, por vezes, usasse um vocabulário rebuscado demais, outras vezes de menos. Olhei para a mesa, vendo se havia algo ali que pudesse me dar alguma dica, mas logo voltei meu olhar a nobre, esperando o que diria.


template by: MM's GIRL on Tdn!
Allar Sand
Cavaleiro
avatar
Mensagens :
6

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECHADA/FLASHBACK +18] Warm Thanks

Mensagem por Amora Lannister em Dom Abr 01, 2018 12:59 am

My Dear Melancholy, call out my name

Não fale assim de novo, é ridículo e não combina com você.

Amora rapidamente falou num tom mais sarcástico do que a situação realmente precisava, mas realmente não queria que Allar tomasse como seu o jeito dos nobres. Lannister estava mais do que acostumada a nobres tagarelas, todos dentro do mesmo maldito padrão e, definitivamente, não queria que o seu novo achado acabasse por se tornar uma pequena cópia malfeita dos nobres que andavam pela corte de seu pai, procurando uma maneira de sair dali casado com uma das filhas do rei.

As alças largas do vestido teimavam em cair dos ombros da princesa, que constantemente as puxava para cima. Entretanto, continuava analisando o guerreiro à sua frente e, definitivamente, não era como os outros. A beleza exótica de Allar a encantava, cada traço sulista que estava estampado na face do bastardo como prémios numa prateleira deixava-a extremamente desejosa. E bem, Amora queria-o desde o momento que os olhos azuis viram sua figura pela primeira vez e nunca na sua vida não conseguira o que queria.

Você está aqui, Allar Sand, porquê você salvou a vida da filha do Rei do Oeste. — Proferia cada palavra com orgulho, enquanto olhava para o outro com clara superioridade. — Pode deixar sua espada em algum outro lugar, Sir. Não precisará dela esta noite.

Esperou que ele guardasse a espada em algum outro lugar, seguindo cada um de seus passos com um olhar atento, apreciando cada movimento que fazia. Amora, ainda em cima da mesa, arrumava o vestido novamente, mas, desta vez, não se importava que as alças deslizassem pela pele alva de seus braços, deixando seu busto coberto apenas pelo sutiã que tinha as mesmas decorações florais que o resto do vestido. Aquela bela peça era obra de um dos melhores artesãos da cidade que, a mando de Amora, fizera o mais belo vestido com todo o conhecimento que tinha da moda dornesa.  Amora queria fazer seu herói se sentir em casa. Aguardou que ele voltasse o seu olhar para ela para poder fazer um gesto para que ele se aproximasse de si.

Acho que necessita de um agradecimento à altura de um ato tão heróico. — Cada palavra era dita de forma sensual pela parte da Lannister, que esticava os braços à espera que Allar se aproximasse o suficiente para poder puxá-lo até si. — Por tanto, de joelhos.

Com um sorriso em seu rosto, aguardou pacientemente que o dornês cumprisse sua ordem e, assim que viu tal figura tão vulnerável a seus pés, Amora se levantou da mesa. Aproximou-se de Allar ainda mais e segurou sua face com as duas mãos, rapidamente se curvando para beijá-lo. Começou com um beijo lento, calmo e doce mas, rapidamente, transformou-se num jogo intenso de desejo, aonde a princesa tinha o total comando. Separou-se dele assim que o ar lhe faltara. Segurou as mãos pesadas de Allar e as colocou na bainha do vestido e, juntamente com ele, subiu o pedaço de pano até metade das coxas da loira.

Ouvi dizer que vocês dorneses são bons na arte do prazer. — Amora proferiu no mesmo tom sensual de antes, enquanto sentia o toque de Allar em suas coxas e tirava alguns cabelos negros da frente da face do rapaz. — Nesta noite, terá o que nenhum outro nobre desta corte teve o privilégio de ter: Amora Lannister para agradar. Me mostre o que sabe fazer.

E, enquanto esperava que o indefeso cavaleiro fizesse algo, Amora rapidamente tirou a peça que ainda cobria seus seios e a atirou para algum lado, deixando o busto pálido completamente à vista. Entretanto, esperava que os boatos que ouvira não fossem mentira e que realmente pudesse ter alguma diversão naquela noite.

616 words | Allar Sand | wearing this
Amora Lannister
Princesa
avatar
Mensagens :
9

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECHADA/FLASHBACK +18] Warm Thanks

Mensagem por Allar Sand em Dom Abr 01, 2018 8:49 pm




- Não fale assim de novo, é ridículo e não combina com você.

O aviso em tom sarcástico de Amora se fez ouvir. Percebi que realmente havia a incomodado. Fiz um lembrete mental de falar normalmente então, já que não lhe agradava. Não deixei de notar que a lady utilizava um vestido visivelmente dornês, e parecia incomodada com as alças. Fiquei curioso de sua intenção na escolha do vestido, enquanto sentia seu olhar continuar a me analisar. Até, então, voltar a falar, de forma suntuosa:

- Você está aqui, Allar Sand, porquê você salvou a vida da filha do Rei do Oeste. Pode deixar sua espada em algum outro lugar, Sir. Não precisará dela esta noite.

Suspirei e assenti, obedecendo. Me levantei e fui até uma mesa próxima dali, tirando a bainha do redor de minha cintura e pousando minha espada ali. Era próximo o suficiente caso alguém entrasse, embora fosse extremamente improvável de isso acontecer. Me virei e percebi que havia desistido de batalhar com as alças, e agora seu busto estava apenas coberto pelo sutiã. Ela era a nobre, não seria eu quem falaria algo contra isso. Vi-a me chamar e caminhei de volta até ela. O tom agora era de uma forma sensual, o que me fez começar a estranhar um pouco mais a situação:

- Acho que necessita de um agradecimento à altura de um ato tão heróico. - Ela estava de braços abertos, como se fosse me abraçar. Mas quando eu cheguei perto o suficiente, a senti segurar meus braços e me puxar para bem perto da mesa, quase encostando nela. - Por tanto, de joelhos.

Era visível que eu estava um perdido naquele momento, sem entender o que estava acontecendo. A olhei, sem conseguir esconder a curiosidade, mas obedeci sua ordem e me ajoelhei no chão, levantando o olhar para ela. Vi a Lady se levantar e senti suas mãos macias segurarem meu rosto. Minha expressão confusa continuava visível, ainda mais quando a vi se inclinar até mim e seus lábios, igualmente macios, tocarem os meus em um beijo doce, o qual eu comecei a corresponder, me surpreendendo com o ritmo ascendente, onde com muita facilidade a princesa me deixou completamente sem ar, ofegante. Enquanto me recuperava, senti suas mãos segurando as minhas, levando-as até o vestido e o levantando até a metade das coxas. Como estava ajoelhado na frente dela, isso me permitiu ver bastante.

- Ouvi dizer que vocês dorneses são bons na arte do prazer. - Senti sua mão arrumando meu cabelo, enquanto eu olhava para ela, ainda confuso. Mas começando a compreender o que se passava. - Nesta noite, terá o que nenhum outro nobre desta corte teve o privilégio de ter: Amora Lannister para agradar. Me mostre o que sabe fazer.

Ainda confuso, meu olhar continuou direcionado a nobre, e acabei a vendo tirar o sutiã, expondo seus seios a mostra. Sabia que Amora Lannister naquele momento não estava brincando, estava sendo bem séria no que estava querendo. E eu não deveria questionar suas vontades. Suspirei, lembrando do que havia aprendido em minha terra natal, e respondendo:

- Como queira, minha senhora.

Após dizer isso, minhas mãos levantaram ainda mais a bainha de sua saia até sua cintura, expondo sua intimidade. Não fazia ideia do quão experiente a mulher era e quantas vezes já havia recebido o que eu iria fazer, mas, como ela disse, em Dorne a arte do prazer é levada a sério, mesmo por pessoas comuns. Avancei meu rosto, meus lábios tocando sua intimidade em um toque sutil, assim como o beijo que ela havia me dado minutos antes, provocando-a.

Só que, também como o que ela havia feito, o ritmo logo começou a acelerar. Com experiência, ignorei quais seriam os motivos de Amora querer isso e a obedeci, provocando-a com a minha boca ali em sua intimidade. Utilizava-me da língua e de chupadas para a excitá-la. Soltei o vestido, sem me importar que este caísse por cima de mim, utilizando as mãos para apalpar suas coxas e virilhas, delicadamente segurando-as para que continuasse com as pernas abertas para que eu pudesse continuar o que fazia. Prestava atenção nas reações dela, para saber se estava gostando e encontrar o ritmo certo que melhor a agradasse. Ou se viriam novas ordens.


template by: MM's GIRL on Tdn!
Allar Sand
Cavaleiro
avatar
Mensagens :
6

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RP FECHADA/FLASHBACK +18] Warm Thanks

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum